Banner
   
Tamanho Texto

Busca

Município inicia concretagem de trecho do muro do Cemitério São Pedro

Share

Acesf continua os serviços de reconstrução da parte do muro que foi derrubada após as chuvas intensas ocorridas na cidade, em dezembro de 2017

A Administração dos Cemitérios e Serviços Funerários de Londrina (Acesf) iniciou, nesta sexta-feira (12), uma nova etapa de reconstrução do muro do Cemitério Municipal São Pedro, na região central da cidade. Receberá serviços de concretagem o trecho de 25 metros de muro que caiu no último dia 20 de dezembro de 2017, por conta das chuvas intensas que afetaram Londrina, causando estragos em diferentes localidades. A parte que sofreu queda fica na Rua João Cândido, nas proximidades da esquina com a Avenida JK.

A construção está sendo feita exatamente onde está levantado um muro de arrimo feito pela Acesf, logo após a queda ocorrida, sendo que esta estrutura serve para segurar a terra e ajudar na estabilização da pressão do solo, colaborando para que haja menor risco de desmoronamento. O novo muro tem 3 metros de altura, um metro a mais que o restante do muro que cerca o cemitério.

De acordo com o superintendente da Acesf, Douglas Pereira (Tio Douglas), após o término dos trabalhos, o formato de muro deste trecho servirá como padrão para futuras licitações de obras de reconstrução neste espaço. A conclusão do serviço está prevista para o final de janeiro. “Após o dia da chuva intensa que derrubou o muro, a Acesf fez a perfuração do solo, ferragem e concretagem da estrutura de arrimo, que serve como preparação para o novo muro. É importante ressaltar que foram tomadas todas as medidas para que a passagem da calçada naquela área, em frente a um ponto de ônibus, não fosse obstruída e prejudicasse o trânsito de pedestres”, enfatizou.

Os procedimentos de reconstrução do muro do Cemitério São Pedro estão sendo desenvolvidos pela própria Acesf, que conta com apoio técnico de um arquiteto da Companhia Municipal de Trânsito e Urbanização (CMTU) e um engenheiro da Secretaria Municipal de Obras e Pavimentação (SMOP).

Tio Douglas ainda informou que, no mesmo cemitério, a Acesf também está intensificando os cuidados relativos ao combate à dengue. “As visitas já ocorrem regularmente pelo setor de Endemias do Município, porém, devido a grande quantidade de chuvas nas últimas semanas, estamos reforçando junto aos servidores a limpeza e atenção com locais do cemitério que acumulam água parada, a fim de evitar a proliferação do mosquito da dengue”, disse.

Acesso Fácil

Menu Principal

Quem está Online?

Nós temos 1948 visitantes

Núcleo de Comunicação

Banner
Banner